sábado, setembro 16, 2006

Um Papa dos Diabos

Perante uma plateia de académicos, intelectuais e teólogos, o Papa Bento XVI citou uma frase do diálogo entre um imperador bizantino do século catorze e um erudito muçulmano persa. Ao citar o imperador, Ratzinger leu: "Mostra-me o que Maomé trouxe de novo. Tu não encontras senão coisas diabólicas e desumanas, como a ordem para difundir a fé através da espada".
.
Eu que não acredito em Deuses nem em Profetas até me podia estar nas tintas para o que diz aquela coisa feia a que chamam de Papa. O pior, é que aquilo que ele faz não é só vomitar verborreia pela boca fora, mas sim lançar gasolina sobre a enorme fogueira em que ardem as relações do Islamismo com o mundo dito ocidental. Ao fazê-lo, só dificulta o diálogo inter-civilizacional e apoia claramente a nova estratégia de negar a possibilidade de co-habitação entre civilizações. Infelizmente, nada disto parece ser obra do acaso, e já no início desta semana ouvimos o nosso conhecido Pacheco Pereira defender esta mesma teoria. A defesa deste “It can only be one” pressupõe uma luta mortal em que só o mais forte poderá sobreviver.
Que os Pachecos e os Bushes deste mundo defendam tais posições, é algo que não nos deve espantar, agora que o Papa, tido como o representante do Deus na Terra e que devia protagonizar a paz e o amor entre os homens as defenda, só o transforma num demoníaco monstro. Não havia necessidade.

.
Contribuição para o Echelon: Kwajalein, LHI

14 comentários:

  1. ratzinger foi ingénuo ao acreditar que podia fazer uma citação destas sem ser logo citado fora do contexto e ir de seguida inflamar o já inflamado Mundo Muçulmano... Juntou assim a qualidade de Ingénuo, às suas outras qualidades de Inquisidor, Conservador, UltraCristão, ex-Nazi, etc, etc.

    ou seja, além de tudo o mais... também é babaca.

    fixe!

    e que conveniente para os fanáticos do Islão (que são exactamente aquilo q o imperador Bizantino diz) para se fazerem de vítimas...

    obrigado, Ratz!

    ResponderEliminar
  2. Nada de novo sobre a Igreja Católica. Ainda gostava de saber o que é que andam a fazer aqui na terra..Eles que vão deitando lenha para a fogueira, para ver o que acontece. Enfim religiões, qual delas a melhor...

    ResponderEliminar
  3. Que nojo!
    Só me apetece dizer que estamos entregues ao "Diabo".
    Este senhor devia ser deposto já.
    Se ele é o representante de Deus na terra não terá que ter uma outra
    conduta?
    Que moral tem este homem em pregar a palavra de um profeta como Jesus Cristo quando falta claramente ao respeito a milhões de pessoas cuja religião nada tem a ver com a guerra que ganancia humana quer fazer?
    Como dizia a minha avó:
    Estamos no fim do mundo,filha...
    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. por acaso acho que tem sido sempre o papel da igreja católica ao longo dos séculos... Umas vezes com figuras menos sinistras do que outras.
    Jinhos

    ResponderEliminar
  5. se a BESTA existe, ela está aqui representada!

    ResponderEliminar
  6. Rui:
    Há quem deseje uma guerra Santa para tomar conta de todo o petróleo e muitos mais a fazer-lhe o jogo.
    abraço

    ResponderEliminar
  7. mancholas:
    Andama a fazer aquilo que sempre fizeram. Possuir poder e riqueza em nome de um Deus

    ResponderEliminar
  8. mariazinha:
    E fala ele em nome de um Deus do amor e da paz. Vai assim a fé no mundo.

    ResponderEliminar
  9. tb:
    É o espalhar a fé e a insegurança pelo mundo.Mais uma cruzada em nome de Deus.
    bjos

    ResponderEliminar
  10. luikki:
    O que faltam por ai são bestas. Esta é só mais uma

    ResponderEliminar
  11. Um belo aborto perdido, este B16 :(

    jinho

    ResponderEliminar
  12. kosmoscrator

    py

    ResponderEliminar
  13. Cristina:
    Concordo plenamente. O mal que uma camisinha tinha evitado.
    bjos

    ResponderEliminar
  14. Py:
    Pois é, triste para quem diz ser o representante do Deus que deveria ter criado tudo isto. O fechar do circulo.

    ResponderEliminar